oblock logo

Tribunal de Justiça do Pará sofre ataque cibernético

 

Segundo TJPA, não houve perda de dados, já que nenhum dos principais sistemas foram acessados, mas por precaução, o órgão decidiu que os serviços ficarão indisponíveis de 11 a 15 de janeiro para a realização de procedimento de segurança. Incidente foi comunicado ao Conselho Nacional de Justiça

 

Na tarde desta quarta-feira (11), o Poder Judiciário do Estado do Pará comunicou que a rede de Tecnologia da Informação do Tribunal de Justiça do PA identificou suposto ataque cibernético, logo a Secretaria de Informática iniciou os procedimentos cabíveis. De acordo com comunicado, não houve perda de dados, já que os principais sistemas não foram acessados, mas por precaução, o órgão decidiu que os serviços ficarão indisponíveis de 11 a 15 de janeiro de 2023 para a realização de procedimento de segurança.

 

A Presidência do TJPA comunicou o registro do incidente ao Conselho Nacional de Justiça. “A área de Tecnologia da Informação do TJPA recomenda aos usuários – magistrado(a)s, servidores (a)s – que façam a troca de suas senhas e que não utilizem computadores, ainda que os pessoais, até que seja garantida a segurança do procedimento”, explica o comunicado.

 

Em agosto de 2022, o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) identificou um acesso malicioso em seu datacenter. Na ocasião, as equipes responsáveis pela cibersegurança realizaram contenções de forma a preservar os sistemas judiciais e administrativos, e todas as suas bases de dados. Posteriormente, o TJDFT comunicou que não houve comprometimento à base de dados dos sistemas judiciais, os quais serão restabelecidos quando houver segurança no ambiente tecnológico.

 

Já no final de 2021, o mesmo órgão, porém do Amazonas também foi vítima dos cibercriminosos após sofrer um ataque cibernético. Neste caso, o incidente se limitou ao ambiente computacional do sistema de “Alvará Eletrônico”. Na época, o TJAM ressaltou à Security Report que não houve acesso a nenhuma informação armazenada ou vazamento de informações de qualquer tipo no sistema afetado.

 

Security Report disponibiliza o comunicado do Tribunal de Justiça do Pará na íntegra:

 

“O Poder Judiciário do Estado do Pará comunica que a rede de Tecnologia da Informação do Tribunal de Justiça do Pará identificou suposto ataque cibernético.  Imediatamente, a Secretaria de Informática iniciou os procedimentos cabíveis. Não houve perda alguma de dados, já que os principais sistemas não foram acessados.  Por precaução, em razão do registrado, os serviços ficarão indisponíveis de 11 a 15 de janeiro de 2023 para indispensáveis procedimento de segurança. 

 

Durante o período mencionado, as medidas urgente serão apreciadas em regime de plantão. Para isso, as petições deverão ser apresentadas de forma manual, nos moldes preceituados pelos Art. 4-A, Parágrafo 4º, da Resolução do TJPA n 16, de 1 de junho de 2016, que regulamenta o serviço de plantão judiciário em 1º e 2º Graus.

 

Ressalta-se que até o dia 20 de janeiro de 2023, os prazos e a realização de atos processuais observarão o Art. 220 do Código de Processo Civil, o Art. 798-A do Código de Processo Penal e as disposições da Resolução nº 33/2016, com as alterações promovidas pela Resolução nº 01/2017.  O atendimento ao público e o expediente forense estão mantidos e permanecem inalterados neste período.

 

A Presidência do TJPA comunicou o registro do fato ao Conselho Nacional de Justiça. A área de Tecnologia da Informação do TJPA recomenda aos usuários – magistrado(a)s, servidores (a)s – que façam a troca de suas senhas e que não utilizem computadores, ainda que os pessoais, até que seja garantida a segurança do procedimento.” 

Fonte: https://www.securityreport.com.br/destaques/tribunal-de-justica-do-para-sofre-ataque-cibernetico/#.Y7_0SezMKT8

Receba Notícias

Artigos Mais Recentes